Manter o bom funcionamento de ventiladores industriais é essencial. Eles atuam como máquinas que otimizam todo o processo ou executam tarefas essenciais, entre elas: transportar um produto, resfriar uma máquina, transferir gases de combustão para filtros, insuflar ar em um processo para aumentar a combustão e, também, cumprir com o seu proposito primário que é propiciar conforto térmico e diluição de atmosferas tóxicas.

Siga na leitura e saiba mais sobre os ventiladores industriais.

A importância da ventilação industrial

Ao contrário do que muitos podem pensar, em instalações industriais os ventiladores não têm como principal função a promoção do conforto térmico. Eles possuem muitas utilizações essenciais e estratégicas, como as que abordamos a seguir.

1. Exaustão de gases de queima (exautores de caldeiras)

Todo motor possui um ciclo de exaustão, proveniente da queima dos gases na câmara de combustão até serem expelidos.  A capacidade de expelir esses gases rapidamente é o que determina o desempenho do ciclo: quanto mais rápido, maior será o desempenho.

É aqui que entram em cena os ventiladores industriais, usados para movimentação dos gases, fornecendo energia para a movimentação do ar. Ao transformar a energia mecânica de rotação em energia de pressão, cria-se um fluxo de ar no sentido da região de maior densidade para o de menor densidade.

2. Insuflamento de ar em combustões (ventiladores primários de caldeiras)

Ventiladores industriais são muito eficazes para fornecer suprimento de ar a queimadores industriais, oferecendo o equilíbrio na relação “ar-combustão” através da queima ideal proporcionada pelo controle de ventilação.

Realiza-se o controle de combustão através da medição da pressão de vapor e com uma alternância de velocidade do ventilador e combustível.

Com os ventiladores industriais modulando o insuflamento de ar conforme a necessidade de consumo é possível obter economia de combustível e também de energia elétrica – essenciais para obter uma caldeira com alta eficiência.

3. Transportadores pneumáticos

No transporte pneumático, materiais (como grãos, por exemplo) são deslocados por meio de uma corrente de ar com velocidade adequada, fazendo com que o material transportado flutue na corrente de ar que se movimenta em uma tubulação fechada, geralmente de seção circular.

A função nos ventiladores industriais nesse processo é gerar o movimento do ar. Eles fazem parte de um complexo sistema com um dispositivo de introdução dosada do produto no transportador, um equipamento para separação de ar, um conjunto de tubulação entre os pontos de partida e chegada do material transportado e acessórios de controle do sistema.

4. Aeração de sistema de limpezas

A aeração consiste em promover a passagem de baixa vazão de ar natural ou resfriado por meio de ventiladores industriais,  visando baixar e uniformizar a temperatura dos sistemas, prevenindo o surgimento de umidade e promovendo a secagem – dependendo das condições climáticas e da vazão de ar, pode ser usada no sentido inverso, permitindo umedecer o sistema.

A aeração de sistemas de limpeza possui muitas aplicações, entre elas:

  • processo de produção (dosador, levantamento de chapas, fixador de peças)
  • industria têxtil (fábrica de tecidos, teares, tecelagem, máquinas de costura industrial);
  • industria gráfica (mesa com camada de ar, sucção, secagem de tinta, guilhotina,  aeração de folhas, secagem, armazenamento, transferência de folhas);
  • industria alimentícia (lavagem de bandejas, lavagem de verduras e ovos);
  • limpeza (aspiração industrial para cavacos e resíduos sólidos em geral).

Como já foi dito, mesmo não sendo o propósito principal, os ventiladores industriais também são importantes para promover o conforto térmico e diluição de poluentes – em ambientes onde haja concentração de partículas tóxicas transportadas pelo ar, poeira e outros vapores nocivos.

Pela importância dos ventiladores industriais preparamos um post que mostra sua utilização e a importância de um programa eficaz de manutenção. Confira!

Dicas de manutenção de ventiladores industriais

Existem alguns cuidados específicos sobre manutenção de ventiladores industriais que, quando bem executados, ajudam a proporcionar maior eficiência e a prolongar sua vida útil.

Veja alguns deles a seguir:

Inspeção do hardware de montagem

A ferragem de montagem dos aparelhos inclui parafusos, placas, porcas e outros componentes que seguram o aparelho no lugar certo. Certifique-se de que nenhuma dessas partes esteja solta ou apresente qualquer tipo de rachadura ou dano.

Avaliação dos cabos de segurança do ventilador

Os cabos de segurança fornecem uma proteção contra falhas, caso aconteça algo que faça com que o equipamento de montagem do ventilador falhe.

Um cabo de segurança será envolvido na estrutura do prédio e na estrutura do ventilador ou sairá da parte superior do ventilador e envolverá a estrutura do prédio. Dentro de uma manutenção de ventiladores industriais eficaz, é possível verificar o cabo de segurança quanto a rasgos, sinais de frouxidão ou fraqueza.

Limpeza de poeira excessiva ou detritos

Sabemos que manter a limpeza de seus ventiladores industriais pode ser algo complicado, já que eles geralmente estão fora do alcance e podem funcionar normalmente mesmo com uma camada pesada de sujeira cobrindo-os.

Dependendo do ambiente, pode haver uma quantidade excessiva de poeira ou detritos de fabricação sobre ou em torno do ventilador, o que poderia afetar sua capacidade de funcionar adequadamente. No entanto, nesta situação, seria prudente limpar o excesso de sujeira do ventilador e das lâminas.

Existem situações de acumulo de fuligem em ventiladores que provocam desbalanceamentos e, consequentemente, o aumento no nível de vibração, gerando fadiga e falha prematuras nos ventiladores ou exaustores .

Essa questão pode ser resolvida com o cuidado descrito no próximo item:

Programação de um calendário de manutenção de ventiladores industriais

Tenha em mente que, para obter os melhores resultados, é essencial manter um programa de manutenção periódica, além de seguir as dicas de cuidado e manutenção fornecidas pelo fabricante dos aparelhos.

Conte também com uma equipe eficiente de manutenção e instalação para realizar o condicionamento – como o time de especialistas da MMtec.

Depois da montagem final, os profissionais de manutenção começam o processo de startup: ligam o ventilador e medem os níveis de vibração.

Dessa forma, caso seja necessário realizar balanceamento, alinhamento laser, ajustes de mancais e rolamentos, eles estão aptos a conduzir o processo, garantindo assim o perfeito funcionamento dos aparelhos – sendo eles novos ou reformados – além de garantir mais economia, eficiência e produtividade para a linha de produção de sua empresa.

Para saber mais sobre a manutenção de ventiladores industriais e outros equipamentos do setor, ACESSE O NOSSO BLOG e acompanhe as nossas publicações.

Pin It on Pinterest

Open

Solicite um Orçamento