A manutenção preditiva é o acompanhamento, monitoramento e inspeção de máquinas com o objetivo de indicar suas condições de funcionamento. A ideia é coletar dados que informam o desgaste dos equipamentos e seu processo natural de degradação.

Assim, é possível aumentar a vida útil dos equipamentos, além de melhorar a produtividade deles. Some isso a detecção de possíveis falhas. Além disso, elimina desmontagens desnecessárias para inspeção, aumenta o grau de confiabilidade das máquinas e auxilia a segurança dos equipamentos.

Como funciona?

A manutenção preditiva realiza o diagnóstico dos equipamentos com a utilização de aparelhos de termografia, ferrografia, ultrassonografia, análise de vibrações e de pressões. Caso seja detectada alguma irregularidade, é realizado um diagnóstico visando estudar a origem do problema e qual a melhor solução para ele. Cada tipo de equipamento necessita de atenção especial, determinando o tipo de frequência e a forma de registro.

  • Estudo de Vibrações

As máquinas em funcionamento produzem vibrações que, a longo prazo, levam a um processo de deterioração. Ao observar a evolução dos níveis de vibrações, é possível saber o real estado da máquina. Quando os captadores são colocados em pontos estratégicos do equipamento, eles captarão as vibrações recebidas por toda a estrutura, permitindo identificar falhas como rolamentos deteriorados, engrenagens defeituosas, acoplamentos desalinhados, rotores desbalanceados, vínculos desajustados, eixos deformados, lubrificação deficiente, folga nas buchas, ausência de rigidez, problemas aerodinâmicos, questões hidráulicas e cavitação.

Ela é feita por meio de técnicas de laboratório com vidrarias, reagentes, instrumentos e equipamentos como viscosímetros, centrífugas, fotômetro de chama, peagômetros, espectrômetros, microscópios, entre outros. Com isso, a manutenção preditiva determina o momento adequado para a troca e renovação dos óleos. Com isso, economiza-se lubrificantes e ajuda a sanar possíveis defeitos, otimizando o intervalo das trocas. A análise dos óleos também identifica o desgaste de um componente através do estudo de partículas sólidas misturadas ao óleo.

  • Análise do estado das superfícies

Utilizando técnicas como endoscopia, holografia, estroboscopia, molde de impressão ou o simples fato de observar a máquina com uma lupa, a análise do estado de superfície ajuda na detecção do desgaste de peças provocadas pelo atrito. Com isso, controla-se a deterioração das máquinas e equipamentos.

  • Análise Estrutural

Coletando dados através da interferometria, ultrassonografia, holografia, radiografia, gamagrafia e ecografia, a análise estrutural é feita com o auxílio de um técnico que usa sistemas portáteis de monitoramento. Com ela, é possível detectar fissuras, trincas e bolhas nas peças

Vantagens

Como dito anteriormente, a manutenção preditiva propicia intervenções oportunas e planejadas, ou seja, a manutenção que anteriormente não era elaborada, com ela, acaba sendo.

A manutenção preditiva facilita a vida do empresário, já que é possível antecipar falhas e reduzir o tempo de manutenção. Se uma máquina for grande e complexa, der algum tipo de defeito, e a empresa não realizar a manutenção preditiva, detectar o problema pode ser um grande desafio, ter alto custo, além do gasto de tempo que poderia ser evitados.

Ou seja, a manutenção preditiva agiliza e otimiza o processo de produção, reduz os impactos dos procedimentos preventivos no resultado da operação, elimina a necessidade de desmontar e remontar a máquina para inspeção, impede a propagação de danos e maximiza a vida útil total dos componentes de um equipamento.

Sustentabilidade

Com a manutenção adequada e inspeções regulares, o consumo de energia fica dentro dos padrões de normalidade, contribuindo para a produção de produtos de qualidade e custos adequados. Isso resulta em benefícios ligados às questões econômicas, energéticas e sociais.

O investimento na manutenção preditiva atua no aperfeiçoamento geral dos sistemas, resultando na diminuição das perdas. Ela também tem um papel importante na gestão predial, ajudando a evitar desperdícios devido a vazamentos de ar comprimido e água.

A importância da manutenção preditiva

A manutenção preditiva é fundamental para agilizar e otimizar o processo de produção, pois com base nos dados e indicadores oferecidos pelos sofisticados sistemas de monitoramento, as pequenas irregularidades que poderiam evoluir para grandes falhas são detectadas precocemente, e a correção pode ser feita imediatamente.

É a opção mais viável e segura de manutenção, resultando também na redução de custos e eliminando a necessidade de trocar componentes em caso de falhas.

CTA: Agende a manutenção preditiva com precisão e qualidade com a MMTEC, que conta com equipamentos sofisticados e funcionários capacitados.

Baixe agora nosso Ebook: Guia sobre manutenção preditiva!

Como escolher o Fornecedor certo para sua Manutencao Preditiva

Open

Solicite um Orçamento